Parto

             Quem está se preparando para ter um bebê. Cesárea ou parto normal? É a principal dúvida. É importante realizar todo acompanhamento pré-natal com um obstetra de sua confiança. O especialista solicitará exames que poderão indicar qualquer problema na gestação. Futura mamãe e médico costumam decidir juntos qual é a melhor opção para cada caso.  

              Como foi meu parto!     



 

Eu tive meu bebê por parto normal levei pontos pelo fato do meu bebê ser muito grande. No dia 25/11/2014 às 5hs da manha eu levantei fui ao banheiro fiz xixi e quando cheguei no quarto senti uma água quente achei que fosse mais xixi porque era pouco chamei meu marido e minha mãe,tomei banho me arrumei e fomos para a maternidade!Chagamos lá 6hs a obstetra de plantão me examinou e veio a confirmação minha bolsa tinha rompido e meu bebê estava por vir,eu estava com 38 semanas de gestação! Fiz todos os procedimentos de internação mais tinha um problema eu não sentia nada, nenhuma dor.

Fui para o quarto e lá fiquei ate às 9hs mais uma vez a medica de plantão foi me ver fez o toque e eu estava com 2 dedos de dilatação,então ela me disse que como minha bolsa já tinha se rompido meu bebê tinha que nascer logo.ai ela colocou um comprimido na minha vagina 15 minutos depois comecei sentir dor,cada vez que falo em dor do meu parto as pessoas não acredita,pra mim não foi tão ruim foram dores suportáveis,com um intervalo de 1 minuto,e fiquei assim ate as 13.30.uma enfermeira me levo para tomar uma ducha quente para aliviar as dores que nesta altura já tinha intervalos de 30 segundos.meu marido esteve comigo todo o processo,as 13.50 já na cama mas dentro da sala de parto entro um medico que olhou pra mim e me perguntou se minhas dores estava muito fortes,eu respondi que sim e ele com todo carinho me pediu licença e fez o toque,e ai foi só correria meu bebê já estava nascendo!Agradeço ao Dr. Willian porque meu medico não chego e se ele n entra por acaso na sala de parto só Deus sabe, um Doutor maravilhoso. Fui então pra cama de parto e fiz 2 forças e sempre com meu marido que me deu muita força,segurando minha mão,e sem falar do doutor me pedindo pra fazer força e não desistir.mamães tudo isso é necessário,tanto ter seu companheiro com você ou até mesmo alguém que você goste e confie,e um obstetra que ame o que faz! Depois das 2 forças ele falou que teria que fazer o corte porque meu bebê era grandinho,eu disse que estava bem então ele fez o procedimento,e pediu pra que eu fizesse mais uma força ai então senti a prova de fogo,parece que eu estava queimando,ai sento meu bebê desse dentro de mim e ai ele nasceu quietinho a enfermeira colocou ele encima de mim e ele olhou pra mim e foi amor a primeira vista,meu marido apavorado achou que ele tinha nascido morto pois não fez nenhum ruído mais não ele estava bem com uma saúde de ferro.


Sempre bom meninas deixar bem claro que eu tive muito medo a gestação toda procurava algo que me ajudasse na internet,mais na hora que minha bolsa rompeu foi tudo tão tranquilo,meu pensamento na gestação é que eu iria morrer não ia aguentar,mais na hora eu pensei se eu tiver que morrer vou morrer e nada vai pode impedir isso porque se for o dia fazer oque. Então eu cheguei na maternidade muito calma muito atenta a cada pergunta do medico,quando comecei a sentir dor me concentrava e pensava que logo passaria,fiquei sentindo dores 5 horas,e vocês vejam tem mamães que dura até 16,18 horas,e normalmente as contração começam de 1 em 1 hora as minhas pelo fato dos soros e do comprimido vaginal eu sentia dores de 1 em 1 minuto e depois de 30 a 30 segundos,pra mim o segredo é calma muita calma deixa seu comentário conte como foi seu parto ficarei feliz em ler

Minha recuperação foi ótimo conto como foi na pagina pôs parto..

                  Como é cada tipo de parto!

Parto normal.
É comum que a mulher sinta dor durante todo o parto normal. A dor vem das contrações e do esforço que a mãe faz para que o bebê consiga nascer. Durante o parto normal, a anestesia pode ser solicitada pela mãe a qualquer momento, porém não ela não é recomendada antes que a mulher atinja os cinco centímetros de dilatação. A fase inicial também é chamada de pré-trabalho de parto. O útero começa a se contrair em intervalos regulares. As contrações vão ficando cada vez mais dolorosas o que não acontecia com as contrações de treinamento que eram irregulares e não chegavam a doer muito.

As contrações iniciais acontecem a cada cinco minutos ou mais e são curtas, durando entre 30 e 40 segundos. Você consegue caminhar e seguir com sua rotina normal, se desejar. Cada mulher tem seu próprio ritmo de trabalho de parto. Algumas nem percebem as primeiras contrações e já dilataram vários centímetros quando se dão conta.

À medida que o colo do útero começa a dilatar, sua posição na pelve muda, e ele avança. Também fica mais flexível e fino. Cada mulher tem seu próprio ritmo de trabalho de parto. Algumas nem percebem as primeiras contrações e já dilataram vários centímetros quando se dão conta.

À medida que o colo do útero começa a dilatar, sua posição na pelve muda, e ele avança. Também fica mais flexível e fino.

Essas mudanças podem ocorrer no final da gravidez, antes mesmo que o trabalho de parto comece, especialmente para quem espera o primeiro filho. Dias ou horas antes do início do trabalho de parto, o colo do útero pode começar a abrir um pouco, e o tampão de muco que o cobre sai. Esse tampão é meio gelatinoso e pode vir com um pouco de sangue. Quando o colo do útero estiver 10 centímetros dilatados, começa o trabalho duro -- e junto vem a emoção, já que a hora de você ver a carinha do seu filho está mesmo chegando.

É nesse estágio que seu útero empurra o bebê pela vagina, ou pelo canal de parto. Muitas vezes há um certo intervalo nas contrações entre o fim do primeiro estágio e o começo do segundo, e você e seu bebê podem descansar um pouco.

Quando as contrações voltarem, você vai sentir a pressão da cabeça do bebê entre suas pernas. A cada contração, quando você fizer força, ele vai descer mais um pouco na sua bacia, mas, quando a contração acabar, ele vai recuar!

Não se desespere. Desde que ele esteja avançando um pouquinho por vez, está tudo bem. Quando a cabeça do bebê estiver chegando na vagina, você vai sentir uma sensação quente, de ardor, e o médico vai anunciar que o bebê está "coroando".


A cabeça começará a sair, e pode ser que o médico peça para você parar de fazer força. Assim, o bebê nasce mais devagar, e diminui o risco de você ter lacerações no períneo, a área entre a vagina e o ânus, ou precisar de uma episiotomia, para facilitar a saída do bebê. diminuindo o risco de haver rasgos causados pelo esforço!

A cicatriz no períneo é praticamente imperceptível, por ser em um lugar bem escondido, porém exige muito cuidado. Por ser entre a vagina e o ânus, a cicatrização exige cuidados especiais para evitar contaminação. O médico pode prescrever anestésico e antisséptico para ajudar na cura da região.!

Se tudo correr bem, logo a pós o parto você já está disposta e é capaz de caminhar, embora deva evitar esforço desnecessário. Caso tenha sido necessário o corte perineal, a mulher pode encontrar um pouco de dificuldade em sentar na primeira semana.

Parto cesária! 

Que tem seu bebe através da cesariana não sente dor alguma durante o parto. Porém a cicatrização pode ser dolorida. Depois de você passar pela cesariana, você vai se sentir como todas as mães: encantada com aquele bebezinho, e surpresa com todas as mudanças por que está passando o seu corpo. Antes da cirurgia a futura mamãe recebe a anestesia raquidiana, que impede os movimentos da cintura para baixo.


O corte da cesariana é feito acima da linha dos pelos pubianos. Feito na horizontal, é por ali que sairá o bebê. Os pontos devem ser retirados entre uma semana e 15 dias depois. O corte da cesariana exige cuidados também. É importante limpar muito bem o local com água e sabão durante o banho, ou com produtos específicos prescritos pelo médico. Caso a região fique avermelhada ou haja secreção é importante procurar o especialista. A cesariana dura em média uma hora. Pode ser um pouco mais rápida ou demorada, mas não varia muito, desde que não haja complicações.


Ainda na sala de recuperação, imediatamente após a cesariana, você pode sentir frio, tremedeira e coceira, efeitos colaterais da anestesia e dos medicamentos usados durante o parto. Você pode pedir cobertores e avisar da coceira, porque os médicos podem dar remédios para aliviar o incômodo.

Quando você for para o quarto, vai permanecer na cama ainda por algumas horas,
Conforme o efeito da anestesia vai passando, você poderá sentir dor para tossir, espirrar e dar risada.·. Nas primeiras horas após a cesariana, a sensação que dá é de que você nunca mais vai conseguir andar. Mas mais ou menos umas dez horas depois do parto a enfermeira vai tirar você da cama na marra para tomar um bom banho,você vai precisar de ajuda.

Você vai sentir dor mas a movimentação é necessária para a circulação e para ajudar na recuperação de um modo geral, e você vai se sentir bem melhor depois do banho. Há mulheres que não sentem tanta dor nessa hora. ·.Você precisará de ajuda de alguém que entregue o bebê para você. Mas você poderá amamentar normalmente e ficar sentada numa poltrona.



Falo sobre a recuperação na pagina pós parto qualquer duvida só deixar comentários que respondo! bjs.
Postar um comentário